FANDOM


A Terra, Parte 2
16
Número de episódio 8
Temporada 2
Número total 16
Título em Teremedó A Ṭerra, parṭ 2
Data de estreia 27 de novembro do 2016
Lista de episódios
anterior
A Terra, Parte 1
seguinte
Irmãs a distância
Coisas de Irmãs

A Terra, Parte 2 é o episódio 8 da temporada 2 da série Coisas de Irmãs e o episódio 16 em total. Estreou-se em 27 de novembro do 2016.

Argumento Editar

O episódio começa com uma explicação o que aconteceu no episódio anterior com as cenas mais importantes.

Num dia do mês de dezembro, na parte subterrânea dum edifício de Barcelona, a regenta Andrea está com a Kimberly e a Karla que estão inconscientes nuns canos de êxtase, e então vem o Jordy Kúdigy… Mas parece que é o Jordy do Universo Espelho, que está do lado dela. A Andrea diz-lhe que ele fez um bom trabalho, e então dão-se um beijo revelando que é um dos parceiros dela. Mas quando termina o beijo, o Jordy cai inconsciente. A Andrea coloca-o noutro cano e revela que está a planear fazer uma fusão do seu corpo com o corpo do Jordy do universo normal. No entanto, fá-lo-á mais tarde, e por enquanto volta à sua casa. E na sua habitação, ela apanha uma foto do almirante 21 e diz: “Agora o teu plano vai à merda e já não tens nenhuma opção para ganhares-me”. E enquanto ela está em casa, nos subterrâneos da casa as irmãs Duver§a e o Jordy (dobro) encontram-se inconscientes…

Numa esfera de transporte, estão o Yusma e a sua mulher İhi Kadse prontos para baixarem na casa da Andrea e pararem o seu plano com os três corpos, e acham que está a tentar mudar a história. Quando se aproximam da casa, recebem um disparo dum local desconhecido e a esfera de transporte cai ao chão. Em Bàrcinon, Teremedó, o Jordy fala com Pulá para informar-lhes do que está a acontecer, mas eles deixam claro que o Jordy está fora da FEF, e está sozinho. O Jordy vai-se embora, e contacta com alguém e diz-lhe que precisa da sua ajuda. E nos subterrâneos da casa da Andrea, a Andrea coloca o corpo da İhi Kadse do Universo Espelho num quarto cano, e do Yusma não se sabe nada. Em Bàrcinon, o Jordy revela que é amigo dum idoso que tinha sido quem teve a ideia para construir Pulá, e ajudar-lhe-á. Ele propõe enfrentar-se contra ela na sua casa da Terra, onde mora.

O Jordy apanha o seu carro e vai na autoestrada A-8 ao norte do país, e continua até chegar à passagem entre Teremedó e a Terra. Quando chega à Terra, cria-se um carro dali com um projector holográfico e vai para Barcelona. Decidiu viajar por este planeta como os humanos, e assim a Andrea não se dará conta da sua chegada. Depois de horas, o Jordy chega a Barcelona, e este carro holográfico indica-lhe a casa da Andrea. Quando chega, aparca o carro na rua e entra na casa com uma chave que tinha feito quando passou por Gerûmdanon, e tenta apanhar o elevador para baixar à secção subterrânea, mas encontra que o elevador não baixa até esse andar inferior. Mas então as portas do elevador fecham-se, e baixa ao andar da secção secreta. Abaixo, a Andrea está com uma pistola à sua espera, e diz-lhe que se tem de rendir. Ele não quer, e a Andrea dispara e o Jordy cai ao chão ferido.

A Andrea tenta apanhar o Jordy do chão, mas ele resiste-se. Então a Andrea apanha sal e põe-no no ferimento do Jordy, e consegue apanhá-lo e pôr-lo num quinto cano. Então activa os canos dos dois Jordys e o Jordy original sente dor, porque não está inconsciente. A Andrea continua o processo, e os corpos desaparecem. Então ela diz “É a tua vez, tu és a minha primeira prova…” e abre-se um cano numa posição vertical e sai um só Jordy, conseguiu fazer a fusão. A Andrea diz que é um sucesso, e com a sua pistola mata o Jordy, e diz que o Yusma terá de preparar-se porque agora é a sua vez. Mas diz que por enquanto, fará outra coisa com os outros três corpos. E em Bàrcinon, o idoso amigo do Jordy percebe que o Jordy morreu. Então, o corpo morto aparece na sua casa, e a polícia de Bàrcinon apanha o pobre idoso achando que é o culpado da morte do Jordy, e levam-no ao cárcere.

Nos subterrâneos da sua casa, a Andrea activa o cano do corpo da İhi Kadse do Universo Espelho e diz: “Vreau sărutul tău, Loliţa mea? Vreau să te omor pe tine, amiralule, mă înţelegi? Şi o să câştig mereu eu! Eu também falo romeno…” e o corpo dela desaparece. No 2011, uma família da Argentina com só uma filha, mora perto da casa do almirante 15, quando de repente aparece do nada outra rapariga com a aparência da İhi Kadse e chamam-na “Lola”, e acham que é a sua filha mais nova. Parece que as lembranças da família foram alteradas para acharem que têm duas filhas, e então a İhi Kadse do Universo Espelho começa a viver uma vida sob o nome de Lola e como se fosse da Argentina. Os anos passam-se, e no 2015 o Josep Maria 19 apaixona-se por ela, e ele apaixona-se mais por ela quando termina a sua relação com a İhi Kadse normal.

De volta ao presente, o amigo do Jordy que está no cárcere morre de velho, enquanto na Terra, a Andrea está a fazer alguma coisa com os corpos das irmãs Duver§a. Então ela diz: “Sois mais importantes do que tendes pensado, e os vossos corpos foram criados por alguém que me está a ajudar a fazer o meu objectivo… Almirante, vai-te foder, com isto já não podes conseguir o que querias fazer. E só conseguirás ter o teu cu com dor”. E então, nos canos com os corpos das raparigas também desaparecem… E no 2013, numa igreja onde está a Kirannis (a Criação Áurea), estão a fazer uma cerimónia, quando de repente no meio da igreja aparecem as irmãs Duver§a três anos mais novas, e todos na igreja acham que são dali e sempre têm estado na igreja. As irmãs Duver§a, quando se termina a cerimónia, falam com a gente da igreja com um sotaque como o da República Dominicana…

As irmãs Duver§a ainda têm os seus nomes originais, mas vidas e pais diferentes, como se fossem da Terra. Uma menina, Elisabeth, fala com alguém e diz-lhe que os filtros de percepção funcionaram, e as raparigas introduziram-se muito bem na equipa. A Elisabeth deixa de falar com essa entidade, e de novo corre com as outras meninas, sem lembrar nada do que falou. E mais uma vez no presente, alguém desconhecido com a forma duma silhueta fala com a Andrea, e diz-lhe que se verão muito cedo, e a Andrea diz-lhe que tem vontade de vê-lo. O homem da silhueta diz: “Não me digas que tens saudades minhas!” e a Andrea diz: “Temos de ser profissionais, e não sejas tão vaidoso”. A silhueta diz: “Acho que não sabes que a tua lealdade connosco se baseia no mesmo que se baseia a nossa lealdade contigo e convosco, humanos”. A Andrea responde: “Terrana, Amo das Inocências” marcando uma aliança entre a regenta Andrea Campos do Universo Espelho e o enigmático Amo das Inocências, e termina o episódio e a temporada.