FANDOM


Mexe esse cu
28
Número de episódio 4
Temporada 4
Número total 28
Título em Teremedó Mow le kul
Data de estreia 11 de fevereiro do 2018
Lista de episódios
anterior
Porque sim
seguinte
Na vossa casa
Coisas de Irmãs

Mexe esse cu é o episódio 4 da temporada 4 da série Coisas de Irmãs e o episódio 28 em total. Estreou-se em 11 de fevereiro do 2018.

Argumento Editar

O episódio começa numa rua de Barcelona, onde o Robert está a andar até à rua “Grande Via”, que é onde vive a Andrea. O Robert entra num bar que há perto da casa da Andrea, aproxima-se dum homem, põe-lhe um objecto no braço e o homem automaticamente dá-lhe 20 euros ao Robert. Quando o Robert se vai embora, o homem não lembra ter dado dinheiro ao Robert, e diz: “Tenho a certeza que levava mais dinheiro!”. O homem não pode pagar a sua consumição ao bar, e o dono do bar diz: “Sempre fazes o mesmo, és muito despistado. Desta vez perdoar-to-ei porque sou o teu amigo, mas lembra-te que tens de trazer o dinheiro na próxima vez que vieres, está bem?”. O homem move a cabeça para dizer que sim, e vai-se embora do bar. Numa esquina da rua, o Robert diz: “Usar filtros de percepção para roubar dinheiro está bem, mas agora tenho de usar um filtro de percepção e todos os recursos que tenho para evitar que a Andrea passe dos limites. Já assassinou muitas pessoas inocentes, e sei que o que farei agora causará mais mortos, mas é melhor dois do que mil…”, e apanha um comunicador semelhante aos da FEF.

Na 07, de repente o 0 recebe um telefonema desde a Terra. O 0 põe o telefonema no ecrã, e resulta que é o Robert, que diz: “Quero falar convosco, mas sobretudo com o 22. Onde é que ele está?” e o 0 diz: “Precisamente agora está numa missão em Teremedó, desde a destruição de dois astros de Teremedó que causou a Andrea, o planeta está instável: Lludne e Jekrumedó foram destruídos, e por isso Teremedó perdeu a rotação sobre o seu eixo. A partir de agora numa parte do planeta sempre será de noite e a outra parte do planeta ficará sempre alumiada. Portanto, numa parte do planeta está a subir a temperatura e na outra parte está a baixar a temperatura. O 22 foi a Teremedó para ajudar os habitantes situados em zonas com uma temperatura muito alta ou muito baixa, já que têm de recolocar a população afectada…” e o Robert interrompe dizendo: “Já o sei, o planeta é um caos, acho que é sábio dizer um spoiler: uma terceira parte da população teremedosiana morrerá!”. O 0 diz: “O que?”, e o Robert diz: “Podeis-me subir à 07?”. O 0 diz: “Por que é que tu queres vir connosco agora? O 22 demorará em chegar!”, mas o Robert diz que quer estar na 07 até o 22 voltar.

Enquanto isso, em Teremedó, o 22 encontra-se em Noyó, onde a temperatura chega aos 42ºC. Está a reunir um grupo de habitantes para levá-los para umas lançadeiras, e diz a um colega: “Não sei onde poremos toda esta gente…”. O colega acaba de reunir toda a gente, e fecha as portas da lançadeira deixando muitas mais pessoas numa fila, à espera de entrar noutra lançadeira. A gente tem sede, e quer beber água. O 22 diz a toda a gente: “Estai calmos!”, mas a gente continua a gritar. O 22 diz: “São teremedosianos e parecem humanos…”, e depois diz ao seu colega: “Transportar-me-ei para o outro lado do planeta, quero ver como vai o frio da noite eterna, tu tens de ficar aqui a cuidar dos cidadãos de Noyó, está bem?”. O colega diz: “Wi, poṭs marḣá”. O 22 transporta-se com um teletransportador móvel, e aparece num ponto duma cidade coberta de gelo, e é de noite. Não se vê nada, já que muitas luzes estão fundidas. O 22 está com frio, e diz: “Uma grande mudança para o meu corpo. Os meus pais não sabem que estou aqui, mas notá-lo-ão se ficar doente pelas mudanças de temperatura!”. Então o 22 recebe um telefonema da 07, e o 0 diz-lhe que o Robert está a bordo.

O 22 diz: “Subi-me”, e o 0 teletransporta-o à 07. Na 07, o 22 diz: “Robert, agora tenho de ir a casa minha ou os meus pais notarão que não estou, diz-nos o que quiseres mas hoje não faremos nada, está bem?”. O Robert diz: “Sabia que dirias isto. Quero fazer uma missão convosco: temos de ir ao covil da regenta Andrea e pará-la duma vez por todas. Se quiseres, podemos fazê-lo amanhã, mas amanhã vem para cá e mexe esse cu!”, e o 22 diz: “Muito bem, agora baixarei a casa minha. Teremedó está feito uma merda por culpa da Andrea…”. O 22 vai-se embora, e o Robert diz: “Vós também, mexei esse cu e dizei-me onde é que eu me posso alojar enquanto estarei nesta nave. Tendes lugar, não tendes?”, e o 0 diz: “Não sabemos se é sábio termos-te a bordo, já que és…”. O Robert interrompe dizendo: “O teu irmão, 0. Sou o Josep Maria, mas regenerado. Sou ele quando for maior. Por que é que vós estais com medo de mim?”, e o 0 diz: “Sabemos que mudaste, és diferente ao meu irmão original. Roubas, ignoras qualquer regra, e ademais a regeneração mudou-te. Eu conheço muito bem o meu irmão, e apesar de que ele será o que tu és, sois muito diferentes!”. O Robert diz: “O 0 que sempre está a brincar, agora fala como se fosse o tipo mais sério do mundo. Acredita em mim, mudei, sim, mas continuo a ser o antigo almirante da Terra, o Josep Maria 27. E sei que ainda mudarei bem mais, espera-me uma vida bem mais longa…”.

No dia seguinte, o 22 teletransporta-se à 07, e diz: “Já podemos fazer a missão, vamos lá!”. A tripulação da 07 vai ao covil da regenta Andrea para pararem-na, e vão com uma lançadeira até à sua casa. Com a ajuda do Robert, usam uns filtros de percepção para evitarem que a gente os veja e fazem um buraco na rua na frente de casa sua com os fásers. O 0, o Rutitto e a Maray baixam desde a lançadeira e metem-se dentro do covil, enquanto o 22 e a Carla controlam a missão desde a nave FEF 07. Quando os três oficiais entram no covil, encontram que a Andrea os ataca com Daleks simulados, uns seres da série de televisão “Doutor Who”. Os oficiais da FEF dividem-se, evitam os ataques dos Daleks e o 0 consegue entrar na sala principal do covil. Mas a Andrea não está aqui, e descobre que pôs bombas como armadilha para matá-los. Todos se vão embora, mas enquanto estão a sair do covil, a Andrea aparece e com uma nova arma dispara ao Rutitto e à Maray com um só disparo, e morrem. O 0 quer ajudá-los, mas vendo que não pode fazer nada, escapa com a lançadeira e volta à 07. O covil explode. Na 07, o 22, o 0 e a Carla lamentam a morte dos seus amigos, e com raiva o 22 diz que derrotarão a Andrea seja como for.

Na sala de reuniões da 07, o 22 zanga-se com o Robert, e diz: “Tu sabias que eles morreriam!”. O Robert diz: “Primeiro: não temos de mudar a história. Eles tinham de morrer nesta mesma missão, e assim foi. Segundo: a sua morte foi significativa, já que graças à nossa missão o covil da Andrea foi destruído junto de todos os seus aparelhos de alta tecnologia, e ela teve de ir-se embora sem nenhuma coisa que poderia acabar de destruir Teremedó. Ela tem de começar de zero!”. O 0 diz: “Tu disseste que um terço da população teremedosiana morrerá, não disseste?”, e o Robert diz: “No vosso planeta não podeis fazer nada para salvardes todo o mundo, não há lugar para todo o mundo na zona habitável. O que é que vós esperais, magia?”. O 22 diz: “A coligação entre a Andrea e o Alxy Frankz, o que é que se passará?”, e o Robert diz: “Spoilers”. O 22 diz: “Vamos, pá, agora não, merda!”, e o Robert diz: “Passar-vos-eis toda a reunião a ralhar-me porque estais raivosos pela perda dos vossos amigos?”. O 22 diz: “Esta reunião acabou. Podeis voltar aos vossos lugares, eu voltarei para casa. Robert, mexe esse cu!”, e o Robert diz: “Sei que o fazes para imitares-me, mas não poderás evitar de dizê-lo num futuro…”. O 22 diz: “Vai-te à merda, desaparece da minha nave!”, e o Robert diz: “A nossa nave. Somos a mesma pessoa, sabias?”. O 22 diz: “Vais-te embora?”, e o Robert diz: “Sem dúvida, impaciente…” e activa um objecto com o que se teletransporta para a Terra. O 22 diz: “Tínhamos os escudos activados!”…

Na Terra, a Mila vai até a uma casa numa rua abandonada de Castelldefels, com medo deste lugar. Mas vai contente, porque combinou com a Penélope Cruz e o seu director, para concretizar o seu papel numa série de televisão onde a Mila será uma das protagonistas. Mas tudo isto é uma armadilha da Andrea, e tudo é falso. A Mila bate à porta, sai o director e diz: “Tinha vontade de ver-te!”. O director leva a Mila para o interior da casa, que a diferença do exterior abandonado, o interior é tudo cheio de luxos. A Penélope Cruz aparece, e diz: “Temos de ocultar os nossos estúdios numa zona que pareça abandonada, assim ninguém suspeitará que estamos aqui. Vai com o meu director!”, e o director diz: “Eu arranjar-te-ei para filmarmos a primeira cena, temos de começar hoje ou não teremos tempo de filmá-lo tudo antes da estréia da nossa série. Vem comigo!”. O director leva a Mila até a um camarim, põe-lhe maquilhagem na cara e prepara a sua roupa que levará a personagem. Depois o director leva a Mila até à sala de filmagens, mas lá não há nenhuma câmara, só há umas ferramentas estranhas e uma cama. O director diz à Mila: “Acredita em mim, deita-te na cama e tudo irá bem…”. A Mila fá-lo, e o director dorme-a…

O director tira-se a camuflagem e revela que é a Andrea, e a Penélope Cruz também se tira a camuflagem e revela que é a Melina. Elas duas riem, dão-se um beijo e a Melina diz: “Temos a Mila onde queríamos!”. A Andrea diz: “Tenho de dizer-te que não esperava que o dobro da tua irmã fosse tão estúpida, é muito inocente e fácil de enganar!”. A Melina diz: “O que é que nós faremos agora?”, e a Andrea diz: “Soltá-la. Não lembrará nada da sala de operações cerebrais, e ademais ela achará que gravou uma cena da falsa série connosco. Venha, ponhamo-nos as camuflagens de novo!”, e elas duas transformam-se de novo na Penélope Cruz e o seu director. O director toca um botão, os cabos acoplados à cabeça da Mila retiram-se da sua cabeça e a Mila acorda. A Mila diz: “Gostei muito das cenas que filmámos!”, e o director diz: “Fizeste-o muito bem, tens talento para isto. Na semana que vem faremos mais trabalho, agora já podes ir para casa. Queres que te acompanhe até à porta?”. A Mila diz: “Sim, acompanha-me se quiseres”, e o director e a Penélope Cruz acompanham a Mila até à porta. A Mila diz adeus aos dois impostores, volta para casa sua e acaba o episódio.